É importante estar atento à profundidade dos sulcos do pneu

É importante estar atento à profundidade dos sulcos do pneu

A legislação trata o limite de 1,6mm como o ponto mínimo de borracha que o pneu deve ter para poder estar em uso. Porém, essa profundidade de sulco não é recomendada pela JM Pneus para se usar como referência na hora de retirar os pneus para reformar, pois nesse ponto de 1,6mm, há um sério risco do cliente perder a carcaça devido a ser uma profundidade muito baixa, com uma carcaça já bastante danificada.

A JM Pneus recomenda retirar o pneu para recapar num sulco mínimo de 4mm, proporcionando assim mais segurança e uma carcaça com mais qualidade, com a certeza de uma recapagem sem o risco de perder essa carcaça e acabar precisando comprar um pneu novo e ter um custo mais elevado.

O limite de 4mm também cria a possibilidade de novas reformas na mesma carcaça, trazendo mais economia de dinheiro, assim como uma economia ambiental.

Os sulcos são as ranhuras dos pneus responsáveis pelo escoamento da água da chuva e por manter a aderência do veículo ao solo. Com o seu desgaste, o escoamento fica comprometido devido à pouca profundidade dos mesmos, e então o motorista começa a sentir dificuldades na frenagem em pista molhada. O pneu “careca” aumenta o risco de aquaplanagem (quando o motorista aciona os freios sem controle do veículo em pista molhada, deslizando no espelho d’água).

Tirando o pneu antes do tempo e com 4mm como recomendamos, pode parecer que estamos “perdendo” borracha e talvez deixando de usar um pouco mais, pois estamos tirando o pneu da rodagem antes do tempo. Mas pelo contrário, estamos ganhando lá na frente. Este “excesso” de borracha no ponto de remoção serve basicamente para a proteção da carcaça, impossibilitando as lacerações, picotamentos e até penetrações de pequenos objetos. É uma barreira protetora que lhe dará mais certeza de uma recapagem com total garantia, e, repetindo este método de retirada de 4mm, você também proporcionará que a mesma carcaça seja recapada mais vezes, trazendo assim muito mais economia.

Para não passar despercebido você deve criar uma rotina de inspeção e usar uma pequena ferramenta: o PROFUNDÍMETRO. É um ferramenta muito barata que é encontrada em qualquer loja de borracharia ou às vezes é conseguido como brindes de marcas de pneus ou reformadores.

Você deve inspecionar seus pneus diariamente, ou semanalmente, desde que fique sempre atento acompanhando. O uso do profundímetro é muito simples: você simplesmente o introduz no sulco e dai mostra-se com quantos milímetros está o sulco; e chegando no ponto de remoção você deve retirar o pneu e não adiar esse momento. Um detalhe, procure no pneu o ponto mais baixo ou com menos sulco para fazer a medição, pois assim você evitará que o desgaste irregular que está no seu pneu possa dar uma falsa impressão de borracha.

Muitos motoristas ou encarregados de frota às vezes veem que está na hora de tirar o pneu, mas decide postergar a retirada, alegando ” vou dar mais uma viagem…”. Pois é nesta decisão que ele perde o pneu. O pneu quando já está com o sulco perto dos 4 mm possui um acelerante de desgaste que rapidamente faz o pneu consumir borracha e isso é natural para todos os pneus e bandas de rodagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: