Conheça os trechos de rodovias mais perigosos do Brasil

Conheça os trechos de rodovias mais perigosos do Brasil

Os seis piores trechos de 10 quilômetros nas rodovias federais do Brasil estão localizados nos estados de Santa Catarina, Espírito Santo, São Paulo, Pará, Paraná. O dado foi divulgado no  Atlas de Acidentalidade 2018, editado pelo Programa Volvo de Segurança no Trânsito (PVST), em parceria com a Polícia Rodoviária Federal e a TecnoMetrica.

O estudo traz informações sobre as principais causas, as mais letais, os pontos de maior índice de acidentes e mortes e também os trechos com índices de periculosidade elevados e moderados. Além de apresentar diagnóstico completo de acidentes de trânsito do país, indicando os piores trechos, as principais causas e as mais letais, os dias da semana e o horário em que mais acontecem acidentes e por tipo de veículo.

A edição de 2018 do Atlas revela que o ranking dos estados com maior número de mortes por mil quilômetros de rodovia federal é composto por: Espírito Santo (246), São Paulo (237), Rio de Janeiro (237), Distrito Federal (228) e Sergipe (159), respectivamente. Em número absoluto de mortes: Minas Gerais (869); Paraná (613); Bahia (594); Rio Grande do Sul (391) e Santa Catarina (381).

1 – BR-101 SC (trecho do km 204 ao 213)

O trecho está localizado em São José, Região Metropolitana de Florianópolis/SC. Em 2017 ocorreram 807 acidentes.

BR-101 ES (km 22 – BR-101 ES (km 262 ao 271)

No trecho localizado na Serra, Região Metropolitana de Vitória, ocorreram 384 acidentes

3 – BR-116 SP-Via Dutra (km 261 ao 225)

Localizado em Guarulhos o trecho computou 479 acidentes

4 – BR-316 PA (km1 ao 10)

Localizado em Ananindeua, região Metropolitana de Belém/PA, foram registrados 330 acidentes

5 – BR-282 SC (km 0 ao 9)


Foram registrados 298 acidentes no trecho localizado em São José, Região Metropolitana de Floranópolis/SC

6 – BR-376 PR (km 174 ao 183)


Localizado em Maringá/PR foram registrados 362 acidentes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: